BROOKLYN LAGER

Um dos melhores e mais influentes livros sobre cerveja que já li é o Brewmaster’s Table, do mestre-cervejeiro americano Garrett Oliver. Garrett, mestre-cervejeiro da Brooklyn Brewery, de Nova York, conta como se tornou mestre-cervejeiro após morar na Inglaterra nos anos 80 e , ao voltar, perceber que não havia em sua terra natal nada parecido com as cervejas que havia bebido por lá. Começou, então, a fazer cerveja por conta própria, e com isso se profissionalizou, e hoje é um dos maiores divulgadores da cultura cervejeira dentro e fora dos Estados Unidos e de sua inserção na cultura gastronômica.

Garrett é famoso por promover jantares e eventos onde evidencia o potencial que a cerveja tem na harmonização com os mais diversos pratos. Ele costuma fazer “desafios” a sommeliers de vinho numa brincadeira que ele convencionou chamar de “Cheese Wars”, onde ambos, diante de um menu de queijos, escolhem as cervejas e vinhos que acham ter maior potencial de harmonização. O interessante é ver que o vinho, tido como o companheiro ideal para os queijos, sempre perde para a cerveja. E costuma perder feio… o próprio Garrett explica:

Sua Brooklyn Lager é uma american amber lager de cor âmbar alaranjada, translúcida, de espuma densa, persistente e abundante; aroma de lúpulo Cascade, cítrico, floral, frutado (grapefruit), mel e malte; corpo médio, boa estrutura de malte, amargor evidente e persistente (principalmente no retrogosto). É uma cerveja de presença de malte e lúpulo muito marcantes, graças também ao dry-hopping, processo de adição de mais lúpulo na fase da maturação. É a principal cerveja da Brooklyn Brewery, e uma interpretação intensa do tradicional estilo vienna lager. No Brasil temos uma cerveja com as mesmas características, a excelente Eisenbahn 5, também uma vienna lager que passa pelo processo de dry-hopping. Bela cerveja!

Ouvindo: Beastie Boys – No Sleep ‘Till Brooklyn

———————————————

One of the best and most influential beer books I’ve ever read is The Brewsmaster’s Table, by Garrett Oliver. The brewmaster from Brooklyn Brewery, N.Y. is one of the biggest beer culture evangelists, and  he also puts in evidence its strong affinities with food. Garrett has hosted beer tastings and dinners worldwide, including Brazil, and his “Cheese Wars” had become famous in showing how beer is a (much) better match to cheese than wine.

His flagship beer, Brooklyn Lager, an american amber lager, is a strong interpretation of the vienna lager style, as a reference to the beers made in the late 1800’s in Brooklyn area. It undergoes a dry-hopping process to enhance the hop aroma, and the result is an amber-orange coloured lager, with firm head; citric and floral hop aroma, as well as grapefruit (Cascade hops!) and caramel malt aromas; medium body, a nice malt backbone, persistant hop bitterness and bitter finish. A great beer that I would match with a wide range of food and that I hope it comes to Brazil really soon…

Listening to: Beastie Boys – No Sleep ‘Till Brooklyn

Anúncios

3 Respostas para “BROOKLYN LAGER

  1. Rodrigo, onde vc conseguiu essa?

  2. Esta e outras da Brooklyn Brewery estarão por aqui em Março/10. Vejam o post no blog do Curitiba Beer Club. http://blog.curitibabeerclub.com.br/2009/12/brooklyn-chega-ao-brasil.html

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s