INGLESAS PT. 1

Olá pessoal!

Neste último mês não houve tempo para postar nenhuma novidade por aqui, mas pelo menos tive tempo para degustar algumas novidades (porque ninguém é de ferro) e, junto com as últimas cervejas que deixei de resenhar, o resultado foi que muito material ficou acumulado nesse meio-tempo. Agora que consegui duas semaninhas de descanso, espero poder me redimir e colocar este bom e velho espaço em dia!

Primeiramente podemos começar com algumas novidades da escola inglesa que andei degustando. Ei-las:

MARSTON’S PEDIGREE

marston's pedigree 1a

Esta é uma das pale ales inglesas que eu mais esperava para colocar as mãos (e a boca, nariz…), pelo simples fato de que ela faz parte da minha memorabilia cervejeira há tempos (ela é um dos rótulos que eu tenho no meu “beerware” há um bom tempo…). Quando ela chegou por aqui, não me aguentei de vontade e fui correndo comprá-la…

Trata-se de uma pale ale convencional, no bom sentido. Ou seja, é exatamente o que você espera de uma pale ale inglesa, com apenas uma ressalva: é pouco lupulada. Sim, o lúpulo fica devendo tanto em aroma quanto em amargor… em aparência, ela revela cor âmbar, translúcida, espuma bacana; aroma de malte intenso, bastante intenso, com notas de caramelo e madeira; e o sabor é de malte também, já que os lúpulos ficam em segundo plano. Trocando em miúdos: uma boa escolha para iniciar aqueles que tem medo de cerveja amarga no mundo das inglesas…

BATEMANS XXXB

Batemans XXXB 1a

Uma pale ale/extra special bitter com mais cara de ESB. A aparência já evidencia isso: a cor é um castanho avermelhado, espuma morena, de densidade típica do estilo. O aroma predominante vem dos maltes, mas aqui o lúpulo se mostra presente, chegando a ser um pouco picante. Na boca, os sabores predominantes também vêm dos maltes, com notas picantes e de madeira em sequência. É mais densa e viscosa, como as cervejas inglesas de maior estrutura, que remete a estilos mais intensos como as old e strong ales, mas ainda é pouco complexa se comparada com outras cerveja do estilo.

FULLER’S INDIA PALE ALE

fuller's IPA 1a

Já está ficando chato, para ser sincero. O fato é que as cervejas da Fuller’s são estupendas e eu confirmo isso a cada garrafa e a cada lançamento. Hoje é, de fato, a minha cervejaria inglesa favorita. O foco da IPA deles é o atual entendimento do estilo pelos ingleses: pale ales lupuladas porém mais leves, sem IBUs estratosféricos ou teores alcoólicos muito acima da média. Como se pode ler no rótulo, a intenção é oferecer uma cerveja refrescante, de boa drinkability, sem abandonar as características típicas do estilo. E, para uma cerveja refrescante, quanto caráter!

Cor castanho-claro, carbonatação média e espuma de média persistência, abundância e densidade.  Aromas de maltes e lúpulo Goldings equilbrados. Na boca, se revela macia, arredondada, maturada (é refermentada na garrafa, seguindo o tradicional processo de “bottle conditioning” de tantas cervejas inglesas), revelando um leve dulçor (caramelo) e um final lupulado, de amargor persistente, muito agradável. O corpo é leve e o álcool, pouco evidente (o teor alcoólico é de 5,3%), ajudando no objetivo da boa drinkability. Para quem procura IPAs intensas, avermelhadas, maltadas e com muito, muito lúpulo nos aromas e sabores, não recomendaria a Fuller’s como primeira opção. Talvez uma Meantime seria uma escolha mais precisa. Mas para quem quer apenas uma cerveja inglesa lupulada absolutamente agradável, até mesmo fácil de beber, eu não teria melhor indicação.

Aguardem uma segunda parte deste especial (até uma terceira, quarta, quem sabe?), pois pintaram várias novidades inglesas em terra brasilis, thanks Lord… Que venham muitas mais!

Ouvindo – Pink Floyd – Echoes

Anúncios

3 Respostas para “INGLESAS PT. 1

  1. Fala Rodrigo, ontem eu e o Tande fomos lá no Rodela tomar umas. Ele comentou do dia que vcs encontraram lá. Até me deu seu cartão!

    Lá agora está com muito mais rótulos e bons preços!

    Vamos falando!

    abs!!!!!!!!!!!!!

  2. Cara,
    seu blog é demais!

    Acabei de conhecer e já virei fã.

    Bjo,

    Vi

  3. Virgínia, obrigado pelos elogios! Fique ligada no blog, tem muito assunto para ser publicado por aqui!
    Abraços e §11!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s