BIT SUN, EDELWEISS SNOWFRESH WEISSBIER E STAROBRNO CZECH PREMIUM LAGER

Olá pessoal!

Aqui vão rápidas notícias/resenhas de mais três cervejas dignas de nota:

A Bit Sun é uma pilsen alemã “especialmente criada para ser consumida no verão”. Teria portanto, teoricamente, compromisso maior com a suavidade e refrescância. Em outras palavras, seria uma pilsen mais suave, “aguadinha”, com menos presença de malte, álcool e lúpulo. Que nada… trata-se de uma pilsen deliciosa, de aroma extremamente agradável, 4,9% de álcool (ou seja, teor normal pro estilo), cor dourado escuro, espuma densa, aromas de pão, biscoito e delicado sabor de lúpulo, além de sabor notável de malte. Uma belíssima pilsen alemã, melhor do que muitas pilsens “normais” ou “premium” que se vê por aí… só é uma pena que não a vejo mais por aí…

A Edelweiss Snowfresh Weissbier é o primeiro exemplar de weissbier austríaca que chega ao país, e talvez a primeira cerveja austríaca que vem para cá em anos… (já se vão os tempos de Zipfer Urtyp, Gösser, Kaiser (não aquela), Schwechater, etc…). O nome e a embalagem remetem aos Alpes e a flor que só cresce por lá. Não bastasse essa novidade, mais uma surpresa: não se trata de uma weissbier típica, semelhante às da Bavária, a despeito da proximidade geográfica e cultural de ambos. Na verdade a Edelweiss está muito mais para uma witbier do que para uma weissbier, pelo fato de conter ervas aromáticas em sua receita. Lembra aquele tempero herbal, floral e cítrico das witbiers e seus aromas de lima, anis e laranja curaçao… ou seja, para os fãs de witbier e de weissbier, é uma cerveja imperdível. Merece ser comprada junto com o copo, onde o gelo dos Alpes, que na garrafa é representado em alto relevo, é representado por jateamento no vidro. Linda apresentação… agora, da Áustria, temos também as cervejas do castelo Eggenberg, ou seja, a pilsen Hopfen König, a doppelbock Urbock 23º, a ale com malte de whisky Mac Queen’s Nessie e a lendária lager de 14% Samichlaus.

A Starobrno é mais uma pilsen tcheca que chega no país e que eu espero que fique, a despeito do que aconteceu com a Urquell… Menos intensa em malte e lúpulo do que a Urquell e a Czechvar, mas não deixa de ser uma delícia. Afinal, aroma e sabor de malte, pão, biscoito e lúpulo Saaz não te deixam nunca na mão…

Ouvindo: Scorpions – Big City Nights

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s