ESPECIAL – DEGUSTAÇÃO EISENBAHN

Este post, de 31/08/2006, descreve o evento que foi responsável pela gênese da Confraria da Cerveja de BH. Foi nesta noite agradabilíssima que conheci vários futuros confrades e que manifestei a todos a intenção de criar a Confraria. Daí pra frente, é história. Acompanhem a impressão da época:

Olá pessoal !!!

Este post vai descrever, em detalhes, o maravilhoso evento que aconteceu essa semana e que, por muita sorte, tive o privilégio de ser convidado.

Anteontem, terça, dia 29/08, tomou lugar na Enoteca Decanter o evento de apresentação, degustação e lançamento de duas novas cervejas da grande cervejaria Eisenbahn.

O evento foi apresentado por ninguém menos do que o próprio Juliano Mendes, diretor comercial e proprietário da cervejaria. Para 45 privilegiados, se tanto, na quase totalidade proprietários de bares, restaurantes, delikatessens, jornalistas e produtores de cerveja artesanal, foi ministrada uma verdadeira aula de cerveja. Com extrema simpatia e simplicidade, Juliano descorreu sobre vários temas: história da cerveja, tipos de cerveja, harmonização de pratos, e curiosidades específicas, muitas indagadas por nós. Simultaneamente, foram degustadas 6 das cervejas Eisenbahn, da mais suave à mais forte, como se deve fazer.

kolsch.jpg

O percurso se iniciou com a Kölsch, tipo de cerveja original de Colônia, cidade alemã, que tinha por objetivo combater a invasão das pilsens oferecendo uma cerveja também leve, dourada e refrescante. Entretanto, ela é bem diferente da pilsen, por ser de alta fermentação, ou seja, uma ale; e ter 4 tipos de malte, entre eles o de trigo, o que resulta numa cerveja frutada, aromática, mas leve, dourada, e de pouco amargor, de teor alcóolico de 4,8% (veja mais a respeito nos posts abaixo). Sempre figurou como uma de minhas favoritas da Eisenbahn, portanto, a noite não poderia ter começado melhor…

weizen.jpg

A segunda da noite foi a Weizenbier, a versão da casa para a cerveja de trigo. Adoro essa cerveja deles, por ser mais densa, encorpada do que as similares que se encontram no mercado. De teor alcóolico de 4,8%, ácida, lembrando banana, cravo e limão, é, naturalmente, turva, e de um dourado também um pouco mais escuro do que as maioria (excetuando-se a Paulaner, um caso à parte…). Foi uma das melhores da noite, estava incrivelmente refrescante, com presença e perfume exaltados, uma beleza… ambas foram harmonizadas com diferentes tipos de queijo de cabra… Muito bom…

rauchbier.jpg

Num salto enorme, ousado, pulamos para a Rauchbier, cerveja escura feita com malte defumado pela torrefação à lenha, como se fazia antes do carvão ser adotado nesse processo. A Eisenbahn faz sua versão com o malte importado diretamente de Bamberg, cidade alemã que conserva até hoje esta tradição. É deliciosa. Avermelhada, encorpada, amarga, seca e defumada; é a mais indicada para se harmonizar com charutos (veja mais a respeito nos posts abaixo). Seu teor alcóolico é de 6,5%.

weizenbock.jpg

A quarta cerveja da noite foi a Weizenbock, cerveja escura de trigo estupenda, de teor alcóolico de 8%, que reúne todo o aroma frutado e perfumado da Weizenbier com o amargor, a picância e o gosto de malte torrado das bocks. Cor avermelhada escura, amargor mais suave, conta com 5 tipos de malte, e o aroma lembra banana passa, malte caramelizado, cravo.

strong.jpglust.jpg

Até que chegou o momento mais esperado da noite: os lançamentos Strong Golden Ale e Lust… a Strong Golden Ale foi a próxima a ser servida… trata-se de uma cerveja do tipo ale belga forte (strong pale ale – ou golden, tanto faz), que tem como referência a Duvel. Com teor alcóolico de 8,5%, reúne todas as características do gênero: complexidade, principalmente no aroma, que remete a mil coisas, amargor mais pronunciado, álcool notável, e uma presença de malte substancial. A versão ficou com muita personalidade e promete muito. Bem mais escura do que a Duvel (cor alaranjado escuro), tem final bem doce.

Por fim, o que se poderia chamar de vedete da noite (sem alusões à Vedett, hehe…): a Eisenbahn Lust. Nome mais feliz e apropriado não poderia ter sido escolhido, visto que “lust” em alemão significa “desejo” (e, numa segunda interpretação, em inglês seria luxúria… sugestivo, não ? Muito sugestivo…). Pois não haveria nome melhor para batizar o primeiro champanhe de cerveja do país… sim, trata-se de uma bière de champagne, ou seja, cerveja champanhe mesmo. A Lust é feita a partir da própria Strong Golden Ale, que sofre uma segunda fermentação na garrafa com fermento próprio para champanhes, segundo o método champenoise… o resultado não poderia ser outro que uma cerveja com espuma, perlage e aspecto de champanhe, gosto e cor da Strong Golden Ale… é complicado descrever, não tem nada que se pode comparar a não ser as outras cervejas desse tipo, como a DeuS e a Malheur Bière Brut… fiquei impressionadíssimo com o resultado final desta cerveja, que confirma o nível de pioneirismo, competência e ousadia desses cervejeiros de Blumenau, que ainda são pouco conhecidos em vista de sua qualidade e competência. Espero – e acredito – que isso é questão de tempo apenas. Merecimento eles tem de sobra.

Gostaria, por fim, de agradecer à todos pela oportunidade ímpar, por ter conhecido novos amigos apreciadores de cerveja e tudo o mais. Foi uma noite deliciosa em todos os sentidos…

Ouvindo: CSNY – Helplessly Hoping

Atualização: A Eisenbahn segue se afirmando como a principal cervejaria de qualidade do país. Hoje são 12 tipos de cerveja, e edições especiais da Lust estão no mercado. Os próximos lançamentos serão a Eisenbahn 5 e a cerveja vencedora do concurso, uma belgian strong dark ale criada pelo homebrewer carioca Leonardo Botto. Parabéns a todos pela expressiva contribuição à cultura cervejeira do Brasil!

Uma resposta para “ESPECIAL – DEGUSTAÇÃO EISENBAHN

  1. Posted by Doge @ 02/19/2007 11:29 PM PST
    Experimentei a Lust nesse fim de semana , ela é realmente incrível !!!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s